Ser amigo




Ser amigo é saber ouvir sem criticar.
Beijar a alma do outro sem magoar.
Ser sincero e não presenteá-lo com promessas não cumpridas.
Amigos cabem numa caixa de fósforos e ocupam longos anos de
uma vida inteira de forma intensa e verdadeira.
O poeta vive só, os amigos multiplicam - se na folha,
desabafos de trajetórias espinhosas, apaixonantes, perigosas, não importa! São caminhos
percorridos por lágrimas e sorrisos.
Compartilhar, doar, sentir saudade, errar compõem a amizade.
Afinal errar é humano, ser amigo é tudo isso e mais um pouco.
O tempo escorre pelas horas, anos...
Amigos se distanciam fisicamente, a memória não apaga os momentos especiais que fez de você
essa pessoa hoje, agora!
Amigos ficam num porta - retrato, numa agenda, no presente de aniversário, até mesmo num abraço
apertado naquele dia de dor.
Aos meus amigos um abraço cheio de carinho e conforto aos vossos pensamentos.
Mesmo distante um amigo é sempre precioso.
Se por ventura lembrar de um amigo somente nos dias difícieis, e esquecê-lo nos dias perfeitos, terei me tornado o ser mais solitário e vazio, um corpo que apenas rompe os laços que
o próprio universo inventou.

Som da noite




A noite é uma felina que rasga meus lábios num doce sorriso,
empolga todos os sentidos.
Escuto o som das pisadas me chamando pra libertar o corpo numa dança,
puramente fervor.
Alguém entende a vibração? O som apenas treme e pulsa num ritmo crescente.
A rua me chama pra mais uma aventura, talvez um amor que termine ao amanhecer,
quando os bares estiverem fechados e os bêbados extasiados.
Me deixe enlouquecer por algumas horas, afinal não há mal nenhum respirar e beijar a lua enquanto está cheia e pervertida.
Quero esmagar minhas dores de cotovelo numa garrafa e refazer os estilhaços de um caso mal resolvido numa viagem na música, talvez um hitz do sex pistols irado. Posso tornar-me ilícita, gentil e fugaz... Isso só a noite me faz. 
O céu, o universo inteiro vibra e contamina a noite de festa e possibilidades que certamente te liberta da sanidade, como se estivesse em um sonho feito de personangens diferentes e um só ator você. 

Insanidade


Calada noite, nostálgicos pensamentos, mesmo com toda luz da lua,
 é nebuloso o que sinto.
Frígido coração, enterraste tua emoção?
Esse mundo deita numa agonia sem fim, matando toda nossa razão.
 O que é amar alguém, em dias frios?
Seria como o amor da mãe que lava suas mãos no sangue do próprio filho?
Ou uma lágrima falsa em dias de furor?
A vida assemelha-se a uma rua sem saída,

é impossível fugir dos caminhos percorridos, dos amores vividos e interrompidos.
A história engana os olhares mais inteligentes,
a sensação trágica é maquiada pelas lentes perspicazes.
Os olhos apreciam o que podem e não o que devem.
Pior que morrer é desistir da vida,
subir um degrau é deixar outro para atrás.
O grito da humanidade é: AMOR!
Os dias maus dão um basta aos sonhos dos mais sofridos,
tiram do aflito o direito de sorrir.
Os sentimentos estão trancados,
talvez em algum livro de Assis ou de Pessoa...
Os poetas declamam o amor  em dias de Oxi,
as crianças,  vendem o corpo suplicando salvação.
A pátria amada, pede gentilmente a nação o socorro do delinquente que rouba para
comprar o pão.




Solitário desejo



Aprendi no primeiro encontro amar-te em perigo e cuidar das suas feridas,
estar do seu lado nos momentos difícieis de incertezas.
Não esqueço dos detalhes de nossa história.
Conheço os teus traços,
seus abraços e beijos que um dia foram só meus...
Meu coração cansou de esperar e desisti de todos os sonhos que imaginei serem possíveis para nós.
Chorei sozinha por um longo tempo.
Mantenho em secreto nossos momentos, cada frase e promessa dita.
Com tristeza sigo o script que a vida escreveu.
Hoje não sou a menina feliz, indomável e despreocupada.
O tempo deixou marcas que desenharam um novo olhar,
inovaram ideais e traçaram trilhos que a própria razão desconhece.
Basta apenas um segundo nos teus braços e esqueço tudo.
As tuas mãos brincam no meu corpo,
lambuzando minhas curvas de saliva.
Muitas mulheres servem prazer ao homem,
eu ofereci ao meu amado o meu mundo em troca de um amor verdadeiro.
Despertei desejos, invadi pensamentos e preenchi um coração, que dormia desacreditado.
Germinei paixão!
A resposta para todas as minhas inseguranças eram introvertidas feito um nó na garganta.
Esperei tê-lo por inteiro,
fui até onde meu coração aguentou, minha alma cansada dissolveu em lágrimas todo o dissabor.
Amar o impossível é sinônimo de dor, acreditar que a solidão alivia é um erro.
Quando vive-se solitário o que resta é reviver um passado bom,
alimentado pela saudade e a certeza de que aqueles instantes jamais voltarão.

Películas hilárias







Gosto de frustrar a tristeza, enfeitar a vida de sonhos, transformar o amor em poesia.
Fazer de uma simples conversa prosa e verso,
tirar uma bela nota de um olhar sincero.
Aprecio uma gargalhada gostosa, um abraço apertado, um beijo assanhado.
São películas como essas que tornam a vida  suave e cheirosa.
Danço a vida num ritmo casadinho, por vezes ligeiro sem perder a sinergia.
Não tenho medo de tropeçar, sei que o chão é o limite.
Desespero? 
É doença. A arte é uma loucura saudável. 
Sou livre das correntes dos maus pensamentos.
Se perco algo,  refaço dos retalhos meu mosaico.
Ser feliz depende mais do que se pensa,
que propriamente do que se cria. 



Carla Gomes

Frenesi




Perdoe meu jeito desastrado.



Meu coração acelera no seu ritmo


Você consegue perceber no tom de voz a força do meu desejo?


É tão difícil permitir-se a tal sensação?


Não penses que não percebo seu desdém, isso fere.


Contenho no sorriso as lágrimas do descontentamento.


Diz olhando nos meus olhos que não sente algo novo pulsando por dentro.


Eu vejo em ti um despertar feliz.


Julgas que não sou capaz de ser sutil e madura, juro que sou maior que a sua percepção.


Um passo incerto não testifica uma caminhada inteira.


Loucura olhar para o telefone e ver o seu nome me gritando...


Acredite no que sai de meus lábios, são sinceros os meus atos.


Envolva-me nos seus braços num calor insensato,


longe das lentes pérfidas.


Devolva-me o paraíso do sim,


eu e você o resto é penumbra.


Carla Gomes


Medo




Há certos momentos que os pensamentos chegam ao limite do que possa sentir o coração.
Não sou uma adolescente louca que não mede as consequências, tudo o que fiz foi querer-te.
Carrego no peito os mais nobres sentimentos, beijos sinceros que jamais desfrutastes.
Sigo o caminho e espero que um dia o seu olhar mude.
Não tenhas medo da paixão é ilusão não sonhar... 


Carla Gomes

Despedida





A rubra chama cresce, cresce, cresce chegando ao coração.

Derrubando minha estrutura e quebrando os sonhos em pedaços frágeis.

E por paixão refiz as forças como a rosa de plástico, não murchei.

Devagar, bem baixinho declarei o firme desejo.

Com um beijo te pus ao avesso.

E me agarrei ao teu pescoço, olhando bem nos olhos estranhei.

Duvidei do teu querer, segurei a garganta e engoli o choro.

Sem a recompensa do carinho,

com um breve adeus das tuas mãos fiquei.

Debrucei-me no chão provando o gosto da lágrima,

a última dor que atravessava meu peito.

Tremi, provei, quis e enganei-me.





Desatando o nó






Permaneço atenta aos seus passos, mesmo errada persisto em querer-te, meu insucesso!
Você é como uma página embaralhada na memória.
Todas as noites sinto-me vazia e confusa num profundo desejo do impróprio.
Perdoe meu gesto insano é que a solidão inocenta o coração.
Os papéis são as testemunhas do que oculto em meu intimo.
O seu silêncio, querido deixa resíduo, mas a poeira dos dias leva...  
Há mal em anelar seus beijos? 
Possuir-te por um instante em meus braços cingidos de vigor?
Abraça de vez meu corpo, seja intenso puro desatino! 
Liberte-me do deserto com um terno sorriso, enfeitando o paraiso que existe nos olhos teus.
Eu e você...
Seria o desfecho exato do nó.



              Carla Gomes

Platônico




Difícil passar ao seu lado e não sentir os pelos arrepiarem, química total eu e você.
Não adianta negar está em nossos olhares...
Beijar-te enlouquecidamente num calor gostoso é tudo que eu mais quero
Se for preciso violar qualquer regra não há nada que nos impeça.
Apenas um dia em teus braços, homem e mulher entrelaçados em extâse total
Num silêncio necessário em respeito ao ato insano.
Por enquanto, estou tentando retirar suas algemas por um momento e poder oferecer-te
meus carinhos, entorpecer-te.
Depois de saciados sorrir e calar o secreto num beijo fraterno e imoral.

Carla Gomes

 

A beleza que explode





Hoje está sendo um dia difícil então resolvi escutar Guns e ver fotos de moda no estilo rock’n Roll, já experimentaram isso?
Toda beleza dos acessórios te faz viajar pela riqueza de criatividade, que os artistas utilizam pra desenvolver cada traço do produto. Não pensem que eu enlouqueci! Eu apenas estou mais sensível, afinal de contas cheguei à conclusão que a tristeza torna as pessoas mais sensíveis e reflexivas. A dor abre um silêncio introvertido nos dias considerados como “normais”.
A dinâmica que a moda causa no olhar é mágica, complexa aos que compreendem o mundo como “bomba relógio” e não como “bolhas de sabão”, ou seja, uns se comprometem com o tempo e outros se permitem atingir o lugar mais alto que puderem, e explodir sem medo do tempo que isso possa levar.
Com toda a correria as pessoas perdem o verdadeiro sentido da vida, não enxergam a arte se deixam levar pela pretensão. E pra você o que seria arte? Não vou citar nenhuma definição científica à palavra, posso dizer que o ser que não consegue se emocionar e descreve o coração como um órgão rígido, capaz de bombear sangue esse é incapaz de reconhecer o que é arte.
A arte é nossa aliada durante toda vida. O artista não é essencialmente um intelectual ele possui o dom de explicar a arte a sua maneira.
A magia da arte é refeita num pestanejar, hoje ela te explode num mosaico de cores fantásticas e amanhã junta os “cacos” do que restou.

Carla Gomes

Indagação






O amor se vai com a poeira dos sonhos
Amor? Onde ouviste esta palavra?
A Dor é parecida com o sol, queima e cria manchas.
Sem chances de amar novamente?  Suporte a agonia
dentro de si.
Outra vez chego a casa e a chuva não cessa. Procuro uma canção pra aliviar
a saudade, tempo perdido... 
Minha saída está numa pílula de efeito imediato.

A cidade vai tremer


Após dez anos o Rock In Rio regressa com força total em setembro e outubro deste ano. A Cidade do Rock, conta uma infraestrutura completa vai garantir segurança e diversão extrema, além de proporcionar um crescimento turístico e econômico. Segundo o site ofical http://www.rockinrio.com.br a idéia do maior entretenimento musical do mundo vem do empresário brasileiro Roberto Medina, que realizou no mês de janeiro de 1985 sua primeira edição, em plena transição da ditadura para a democracia: o Rock in Rio convidou o Brasil a comemorar a liberdade


Estão confirmados para detonar o repertório: Pitty, Capital Inicial, NX Zero, Frejat, Iron Maiden, Jota Quest, Guns n Roses, Red Hot, Elton John, Slipknot entre outros.

Com a morte do baixista Paul Gray, o lendário Slipknot conta com um ex-integrante da primeira formação da banda Donnie Steele.

No primeiro dia, 23 de setembro Elton John marca presença no Palco Mundo. Na seqüência Katy Perry e Rihanna fervem na noite carioca. Claudia Leite traz muito axé e futuras polêmicas ao evento destinado ao Rock.

Enquanto isso, no Palco Sunset rola Ed Motta, Rui Veloso, Sandra de Sá e mais.

Dia seguinte, o Palco Mundo recebe Red Hot, eles voltam para esquentar a arena e atrair novamente o maior público do festival, já que em 2001 tocou para 250 mil pessoas. Gary Lightbody da Snow Patrol faz sua guitarra “gritar” no embalo da noite mais esperado do festival. O som do Capital e NX Zero garantem a presença do rock nacional. Já no Palco Sunset Nação Zumbi tem “fome de tudo”.

Terceiro dia, 25 de setembro Palco Mundo Metallica e Slipknot reúne metaleiros de todo o mundo num culto ao heavy metal. Sunset reúne Matanza, Bnegão, Korzus, Sepultura. Na sexta, Palco Mundo Shakira, Ivete Sangalo e o som baiano. Cidade Negra solta um reggae no Sunset. Sábado, noite quente no Rio, no Palco Mundo Coldplay na simplicidade da voz de Chris Martin e ainda toda força da música de Frejat. Erasmo Carlos, “0 tremendão” demonstra performance no Sunset enquanto Zeca Baleiro coloca “bala na agulha”. Último dia, 02 de outubro Guns N' Roses despede a galera do Palco Mundo com as inesquecíveis “dancinhas” de Axl Rose e inesquecíveis clássicos do Hard/Glam nos anos 80. A roqueira baiana Pitty fará a abertura do show do Guns. Titãs, Mutantes, Tom Zé e muitos outros nomes encerram o palco Sunset.

Carla Gomes

Meu vício

 
 Dou um trago na alma e largo tinta no papel. Escrever é um vício incontrolável!

Seria o fim do impresso?


A tecnologia está presente no cotidiano, desde uma simples rotina de escritório a relacionamentos virtuais. A comunicação tem sido afetada por essa “onda tecnológica”, temos como exemplo o término do Jornal do Brasil na versão impressa, após 119 anos de circulação, encontra-se disponível somente na versão on-line. Diante deste fato, outros jornais ainda resistem, mas não sabemos até quando.
A empresa LG Philips acaba de lançar um jeito diferente de ler notícias: o E-Paper, a tecnologia permite a visualização de imagens e textos coloridos, numa tela de espessura de aproximadamente 3 milímetros e tamanho de uma folha A4,  plenamente dobrável, o que de fato supera a rigidez das tradicionais telas de cristal líquido (LCD). As cores utilizadas são ciano, magenta e amarelo, semelhante ao que é utilizado nas impressoras jato de tinta.
A invenção sugere uma nova maneira de ler jornais, livros e revistas, as notícias são atualizadas diariamente e o leitor ainda pode assistir a filmes com rapidez e boa resolução. Já existem várias tecnologias e-paper. As que se destacam mais são a tecnologia Gyricon, desenvolvida pela Xerox e 3M e a E-Ink, desenvolvida pela Lucent. A editora e-papers já disponibiliza obras em versão eletrônica com valor menor comparando ao impresso.
Não podemos afirmar o fim da mídia impressa, há opiniões arbitrárias, contudo a internet acomoda velocidade e hiperlinks, ou simplesmente links este possibilita aos usuário navegar por diversos sítios da potente www(world wide web).

                                                    Carla Gomes

www.brechodepalavras.blogspot.com

Uma palavra ao coração e uma confissão ao mundo.

A pena que espeta a palavra

Minha foto
"O verdadeiro sábio é aquele que assim se dispõe que os acontecimentos exteriores o alterem minimamente. Para isso precisa couraçar-se cercando-se de realidades mais próximas de si do que os fatos, e através das quais os fatos, alterados para de acordo com elas, lhe chegam." Fernando Pessoa

Conheça este blog e descubra sua essência!

"Coração é terra que ninguém anda", já dizia minha vó, e continua sendo assim na era do GPS. O órgão vital que pulsa e controla nossas emoções, deleta as razões quando se trata de amar!

O blog foi pensado com objetivo de despertar o que a maioria tenta esconder O SENTIMENTO, amor, ódio, tristeza, alegria todas as sensações que são latentes em nosso interior e constitui nossas ações. O seu coração precisa de umas horas diárias de poemas, poesias que inspirem seu dia e o torne alguém forte e renovado.

Almejo transmitir a clareza dos sentimentos de tal forma a desatar nós e fazer reviver uma alma que talvez esteja morta e desistente.

By Jornalista Carla Gomes


Ocorreu um erro neste gadget
Ocorreu um erro neste gadget

Pesquisar este blog

Total de visualizações de página

Seguidores e parceiros

carla Gomes. Tecnologia do Blogger.